12.19.2009






Dizem que tudo que é bom dura pouco, mas até que a sessão Homem na Cozinha durou bastante. Nos tres meses de publicação, tivemos muitos convidados, alguns ilustres, outros ilustrados, receitas simples, receitas sofisticadas. Mas no fundo a culinária foi uma deliciosa desculpa para reunir gente interessante neste espaço virtual. 
Agradeço a boa vontade de todos em enviar suas receitas, responder nosso questionário, e sobretudo contar um pouco de suas histórias. Para o ano, Homem na Cozinha será substituído por outra coluna que será publicada também aos sábados. E para encerrar este ciclo com chave, quer dizer, colher de ouro, convidamos um cozinheiro de respeito, que propõe um prato elaborado, sob medida para as festas de fim-de-ano. Com vocês...

"Da junção de um antropólogo paulista amineirado com uma filósofa mineira enraizada nasci eu. Desde cedo adorava os computadores e as artes gráficas, que me levaram até a publicidade e propaganda da USP. Naquele tempo, nascia a internet, quem me pescou em sua rede e de onde eu achei que jamais sairia. O bom foi entender que o meu trabalho sempre foi o da comunicação e isso facilitou demais e me deu versatilidade para trabalhar em editoras, estúdios de design, agências de publicidade, agências digitais e regressar para o mundo editorial, com uma grande bagagem adquirida em mais de 15 anos de experiência."
1. Onde vc nasceu? Qual a sua profissão/ocupação principal? Nasci em SP/Capital e sou publicitário.
2. Qual a melhor hora do dia pra vc? Sou notívago por excelência, mas não tenho problemas com horários.
3. Como vc entrou na cozinha? Entrei na cozinha pela porta da cozinha, e porque eu estava com fome e não havia ninguém para cozinhar pra mim ;)
4. Que música combina com cozinha? Depende do prato mas, pra mim, café-da-manhã é com música clássica, almoço com rock e jantar com algo mais intimista, como um jazz ou lounge.
5. Você seria dono de um restaurante? Acho que não, mas trabalharia em um, ou em um bar, sem dúvida.
6. Qual o(s) seu(s) restaurante(s) preferido(s) e porque? Minha ascendência mineira não me dá muita escolha: eu adoro bares. Meus preferidos, não em ordem de importância, mas em ordem de lembrança são: Pirajá, Sachinha, Dona Felicidade, Genésio (a mulher do vizinho...), Genial, Filial e Astor.
7. Um prato que vc faria para seu melhor amigo. Churrasco.
8. Um prato para indicar ao seu inimigo. Meu strogonoff au poivre - quem sabe viramos amigos.
9. Doce, salgado ou azêdo? Salgado
10. Quem vc convidaria para um jantar? João Bosco, mas tem q trazer o violão.
11. Quem vc NÃO convidaria para um jantar? Collor
12. O que sua profissão tem a ver com cozinha? Tudo. Cozinha, sem planejamento, não dá.


Camarão com molho ao  curry
500g de penne
1kg de camarão (médio)
500ml de Creme de Leite Fresco
Curry
50 g de Parmesão - de preferência ralado na hora - a minha opção é pelo Scala Premium (o  melhor custo benefício  que encontrei: mais ou menos uns R$  40/quilo no Mambo).
limão
1 kg cebola
salsa e cebolinha
sal
óleo

Gergelim preto para decorar (semente de papoula deve  dar o mesmo efeito,  mas prefiro o gosto do gergelim)


Tempere o camarão com suco de limão e mistura de alho e sal ou pasta pronta de alho e sal fino. Reserve. Importante é começar a fazer o molho antes, já que o camarão fica pronto mais rápido.

PARA O MOLHO: em uma panela com fogo baixo, coloque metade da cebola para dourar com óleo. Quando estiver começando a murchar coloque o curry, refogue um pouco e coloque o creme de leite. Deixe sempre em fogo baixo e vá ajustando o curry ao seu gosto. Quando começar a evaporar, coloque o parmesão e misture. Se quiser um molho mais encorpado faça uma redução maior.

PARA O CAMARÃO: Em uma panela em fogo alto coloque o óleo para esquentar e, qdo estiver bem quente, despeje o resto da cebola. Deixe dourar um pouco e despeje o camarão temperado para cozinhar. Coloque em fogo médio e cuidado para não cozinhar demais. Quando estiver quase cozido coloque a salsa e a cebolinha.Misture bem.
Despeje o camarão na panela com o molho curry e deixe cozinhar um pouco em fogo baixo, para que o molho misture com o caldo do camarão ˆ ajuste o curry e o sal.
 
PARA SERVIR: Em um prato fundo faça uma cama com o penne e cubra com o molho. Decore com o gergelim preto. Isso rende pra umas 6/8 pessoas.


4 comentários:

RUI disse...

Fechou com panela de ouro... o ano e a cozinha, Swain. Tomara que venha coisa tão saborosa quanto. Abraços, Werneck

Lee Swain disse...

Valeu Werneck, agora é descansar um pouco da montanha russa de 2009 e se preparar para a nova maratona que será 2010, um ano de Copa e espada, hehehe...

Patricia Andrade disse...

Essa receita de camarão é simplesmente o máximo! Tive o prazer de saborea-la preparada pelo Filipe. Recomendo fortemente !

Claudia disse...

Que delícia !!!!!